Encontro do GIFC na Fenasucro & Agrocana 2018

Principal vitrine do setor sucroenergético para inovação e negócios, a Fenasucro & Agrocana 2018 destacou importantes temas que impactam a cadeia canavieira.

Um deles foi o Encontro sobre Inovações no setor de Irrigação e Fertirrigação, promovido pelo GIFC – Grupo de Irrigação e Fertirrigação de Cana-de-açúcar, do dia 21 de Agosto, que traçou um panorama do mercado de irrigação e fertirrigação voltado para lavouras canavieiras, com foco nas adutoras de vinhaça e águas, que é o título do livro recentemente publicado pelo grupo, que já está na segunda edição, o “Guia de Boas Práticas para Adutoras de Vinhaça e Águas”.
No primeiro painel, o engenheiro Miguel Guazzeli da Hidro-Ambiental e Wilson Roberto Roma da Irriga Engenharia, ambos diretores do GIFC, focaram no tema das adutoras. A palestra foi sobre “Golpe de Aríate e Controle Hidráulico em Adutoras de Irrigação e Fertirrigação”, conjuntamente com o conteúdo do “Guia de Boas Práticas para Adutoras de Vinhaça e Águas”, que estará em breve disponível para download na área restrita deste site. No segundo painel, os consultores Clebio Santo Matioli e Osvaldo Arce Brito, abordaram as novas tecnologias para a irrigação e fertirrigação da cana-de-açúcar, seguido pelo último panorama acerca dos desafios e estratégias do setor sucro-energético. Outro assunto abordado foi “Pivôs da Valley – Tecnologia de Irrigação para Cana-de-açúcar”, com Vinícios Maia Costa.
Em meio a apresentação das diferentes soluções, o encontro do GIFC na Fenasucro & Agrocana 2018 também possibilitou que os produtores discutissem e trocassem experiências sobre as conquistas, entraves e perspectivas para o setor.
De uma forma geral, a Fenasucro & Agrocana confirmou expectativas da 26a edição. O balanço do evento, de acordo com a organização, superou os 40 mil visitantes previstos e a geração de negócios em R$ 4 bilhões. As rodadas nacionais de negócios promoveram mais de 130 reuniões. Já as internacionais contaram a a presença de 20 delegações, gerando mais de 350 reuniões com fornecedores brasileiros.
Já na área do conhecimento, a Fenasucro & Agrocana recebeu 5 mil congressistas e 370 palestrantes em uma programação que contou com mais de 350 horas de eventos de conteúdos. “A Fenasucro & Agrocana recebeu visitantes compradores das cadeias do açúcar, etanol e bioenergia, consagrando-se no cenário mundial do setor sucroenergético. Neste ano trabalhamos o tema Sinal Verde para o Futuro e encerramos esta edição confiantes com o balanço parcial. Abastecendo com o etanol ganha todo o planeta”, pontuou o diretor da feira, Paulo Montabone.
O presidente do CEISE Br, realizador da feira, pontua o RenovaBIo como destaque desta edição. “O programa foi uma das principais pautas dos eventos de conteúdo, só que agora sob uma nova perspectiva: ele é uma realidade. A Fenasucro & Agrocana serviu de palco para discussões acerca dos próximos passos, estratégias, e demandas deste programa que, com certeza, trará mais competitividade para toda cadeia produtiva sucroenergética, além de contribuir para o desenvolvimento sustentável do País enquanto produtora de energia limpa e renovável”, afirmou Aparecido Luiz.
Em 2019, a Fenasucro & Agrocana já tem data marcada: 20 a 23 de agosto.